- Publicidade -
Home Notícias e Tendências Cardiologia Tratamento anti-hipertensivo em idosos frágeis diminui a mortalidade cardiovascular.

Tratamento anti-hipertensivo em idosos frágeis diminui a mortalidade cardiovascular.

Estudo com base de dados publicado este ano no Hypertension mostrou que o tratamento da hipertensão arterial com fármacos anti-hipertensivos se associa a redução significativa da mortalidade em idosos, incluindo aqueles com status funcional ruim.

- Publicidade -

Estudo publicado no Hypertension, revista da American Heart Association dedicada ao estudo da hipertensão arterial sistêmica teve como objetivo avaliar a aderência ao tratamento anti-hipertensivo na redução da mortalidade cardiovascular em idosos frágeis e não-frágeis.

Sabe-se que o tratamento anti-hipertensivo diminui o risco de eventos cardiovasculares e morte cardiovascular nos hipertensos em geral e também nos idosos hipertensos. Porém, os estudos em hipertensão arterial, em geral, excluem pacientes mais susceptíveis a eventos ou morte, como aqueles institucionalizados ou com comorbidades grave, assim como aqueles com alto risco de hipotensão ortostática e quedas.

No presente estudo foram incluídos 1.283.602 idosos (idade ≥ 65 anos) em uso de fármacos anti-hipertensivos entre 2011 e 2012, com tempo de seguimento dos pacientes de 7 anos.

Os pacientes foram comparados de acordo com a aderência terapêutica (< 25% de aderência aos fármacos anti-hipertensivos vs. > 75% de aderência terapêutica) e quanto ao status clínico (bom, intermediário, ruim e muito ruim).

A idade média dos pacientes variou de 74,5 (bom) a 77,9 (muito ruim) anos grupos conforme o status clínico. Combinação fixas ou livres de anti-hipertensivos era utilizada por mais de 63% dos pacientes.

Em comparação aos pacientes com baixa aderência terapêutica, aqueles que apresentaram aderência tearapeutica aos fármacos anti-hipetensivos tiveram redução de mortalidade por todas as causas de 44%, 43%, 40% e 33%, nos grupos de status clínico bom, intermediário, ruim e muito ruim, respectivamente (p < 0,001 para todos).

Os autores concluíram que o tratamento da hipertensão arterial com fármacos anti-hipertensivos em idosos se associa a redução da mortalidade, inclusive naqueles idoso com status clínico ruim ou muito ruim.

 

Referência:
Rea F, Cantarutti A, Merlino L, et al. Antihypertensive Treatment in Elderly Frail Patients: Evidence From a Large Italian Database. Hypertension. 2020;76:442–449
Link: https://www.ahajournals.org/doi/10.1161/HYPERTENSIONAHA.120.14683

Saiba Mais:
Feitosa-Filho GS, Peixoto JM, Pinheiro JES, Afiune Neto A, Albuquerque ALT, Cattani AC et al. Atualização das Diretrizes em Cardiogeriatria da Sociedade Brasileira de Cardiologia. Arq Bras Cardiol. 2019; 112(5):649-705.

- Publicidade -
- Publicidade -

Fique Conectado!

16,985FansLike
2,458FollowersFollow
61,453SubscribersSubscribe

Mais Lidas

Radioterapia moderadamente hipofracionada no câncer de mama inicial ou in situ é recomendada como novo padrão de terapia

O interesse na radioterapia hipofracionada tem se renovado com o passar dos anos O estudo DBCG HYPO (NCT00909818) foi projetado para avaliar e testar estatisticamente...
- Publicidade -

Pela primeira vez, a U.S. Preventive Services Task Force orienta o rastreamento para câncer colorretal aos 45 anos

O câncer colorretal é a terceira causa de morte por câncer nos Estados Unidos. Apesar das fortes evidências de que o rastreamento do câncer...

Incidência de câncer de próstata localizado nos Estados Unidos diminui, porém a de estágio avançado recrudesce, segundo relatório

Dados de incidência e sobrevida de câncer de próstata nos Estados Unidos foram atualizados recentemente pelo Morbidity and Mortality Weekly Report, do Centers for...

Biópsia líquida pode predizer desfechos com imunoterapia em 1ª linha, mas não em 2ª, no tratamento do melanoma metastático

Biópsia líquida e o ctDNA estão cada vez mais incorporados à clínica, auxiliado a entender diversos aspectos dos tratamentos contra diversas malignidades Embora contabilize apenas...

Notícias Relacionadas

Radioterapia moderadamente hipofracionada no câncer de mama inicial ou in situ é recomendada como novo padrão de terapia

O interesse na radioterapia hipofracionada tem se renovado com o passar dos anos O estudo DBCG HYPO (NCT00909818) foi projetado para avaliar e testar estatisticamente...

Pela primeira vez, a U.S. Preventive Services Task Force orienta o rastreamento para câncer colorretal aos 45 anos

O câncer colorretal é a terceira causa de morte por câncer nos Estados Unidos. Apesar das fortes evidências de que o rastreamento do câncer...

Incidência de câncer de próstata localizado nos Estados Unidos diminui, porém a de estágio avançado recrudesce, segundo relatório

Dados de incidência e sobrevida de câncer de próstata nos Estados Unidos foram atualizados recentemente pelo Morbidity and Mortality Weekly Report, do Centers for...

Biópsia líquida pode predizer desfechos com imunoterapia em 1ª linha, mas não em 2ª, no tratamento do melanoma metastático

Biópsia líquida e o ctDNA estão cada vez mais incorporados à clínica, auxiliado a entender diversos aspectos dos tratamentos contra diversas malignidades Embora contabilize apenas...

Adição de irinotecano neoadjuvante aumenta a taxa de resposta patológica em adenocarcinoma de reto localmente avançado

Vários estudos de escalonamento de dose descobriram que a máxima dose tolerada do irinotecano diminuiu com um número crescente de alelos UGT1A1 defeituosos, confirmando...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site usa cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.